Um homem de 38 anos morreu de causas naturais durante uma gravação do programa TBS “Destrua”No outono passado, o escritório do LA County Coroner determinou.

Michael Paredes perdeu a consciência após cair da pista de obstáculos do show em 18 de novembro. Ele morreu um dia depois. Um relatório do legista, divulgado na sexta-feira, mostrou que Paredes morreu de ataque cardíaco e que sofria de doença arterial coronariana não detectada.

Mais da Variety

O relatório de toxicologia também mostrou que Parades estava livre de drogas ou álcool quando morreu. O relatório afirma que ele consumia regularmente Nutrex Outlift Amped, um suplemento dietético pré-treino. De acordo com a reportagem, Parades bebeu um copo d’água misturado com o pó do suplemento na manhã da gravação do show.

A autópsia não sugere que o suplemento tenha desempenhado qualquer papel na morte de Paredes. Afirma, no entanto, que sua noiva disse aos investigadores que o suplemento pode ter desencadeado um resultado falso positivo para MDMA, ou Ecstasy, logo após Paredes chegar ao hospital. Ela disse aos investigadores que ele não bebia nem usava drogas. Ele também não sentiu quaisquer efeitos nocivos do suplemento e não indicou quaisquer dores de cabeça ou outras doenças antes de cair da pista de obstáculos.

De acordo com o relatório, Paredes concluiu com sucesso dois dos obstáculos, mas caiu no terceiro. Ele lutou para nadar até o lado da piscina e teve que ser puxado para fora. Ele foi colocado em uma cadeira de rodas, mas rapidamente perdeu a consciência. Espectadores começaram a realizar a RCP e os paramédicos foram chamados. Ele foi levado ao Hospital Henry Mayo Newhall, onde foi declarado morto no dia seguinte.

Segundo a noiva, Paredes se exercitava duas horas por dia, cinco dias por semana. Ele e sua noiva vendiam produtos de bem-estar, incluindo o produto Nutrex que ele consumia.

Ele e sua noiva participaram do show. Para se qualificarem, ambos tiveram que se submeter a uma triagem de drogas, um EKG e um teste COVID-19. Ambos passaram na seleção.

“Wipeout” foi ao ar na ABC de 2008 a 2014. O TBS anunciou no ano passado que estava reiniciando o programa, mas ainda não estreou. O show é produzido pela Endemol Shine North America. As empresas expressaram condolências à família de Paredes após sua morte.

O melhor da variedade

Inscreva-se para Boletim da Variety. Para as últimas notícias, siga-nos no Facebook, Twittere Instagram.

Fonte