A deputada Nancy Pelosi, Chrissy Teigen, Amanda Gorman e a secretária Hillary Clinton falaram no Dia Internacional da Mulher.  (Foto: Zoom)

A deputada Nancy Pelosi, Chrissy Teigen, Amanda Gorman e a secretária Hillary Clinton falaram no Dia Internacional da Mulher. (Foto: Zoom)

Hillary Clinton, o ex-secretário de Estado e a primeira mulher para ser a indicada para presidente de um grande partido, passou parte do Dia Internacional da Mulher com sua amiga Chrissy Teigen.

Teigen apresentou Clinton e a presidente da Câmara, Nancy Pelosi, durante uma conversa virtual moderada pela poetisa Amanda Gorman. O evento foi organizado pela organização sem fins lucrativos de Clinton Avante Juntos, que ela lançou em 2017, para promover valores progressistas e incentivar as pessoas a se organizarem e concorrerem a cargos públicos.

“Estou muito feliz de ser apresentado por Chrissy porque somos amigos, e um dos últimos eventos que eu tive que ir antes de tudo fechar, foi um jantar com ela e [Teigen’s husband] John [Legend], e foi muito divertido. “

Clinton chamou Teigen de “uma espécie de mulher renascentista”.

“Ela é uma campeã pela justiça social e pelos direitos das mulheres. É autora de livros de receitas. É uma ótima mãe e um tesouro nacional na mídia social para quem não teve essa experiência”, disse Clinton.

Clinton continuou: “E também quero agradecê-la por sua generosidade, de coração, e por compartilhar sua experiência com perda e tristeza. Realmente significou muito para tantos que entraram em contato nas redes sociais e em outros lugares para dizer que ela fez com que eles sentissem que não estavam sozinhos, e esse é um dos grandes presentes que podemos dar uns aos outros, então obrigada, meu amigo. “

Teigen foi aberta sobre o fato de que, em setembro, ela abortou um menino ela e Legend haviam planejado nomear Jack.

Ela e Clinton compartilharam sua admiração mútua muitas vezes no passado.

Clinton também aplaudiu Gorman e Pelosi, enquanto ela e Pelosi respondiam a perguntas de cerca de 6.000 pessoas ligando para o evento Zoom na tarde de segunda-feira.

Ela também deu uma dica para evitar uma situação que ela e o palestrante encontraram, em que a mulher diz algo e é ignorada apenas para um colega ser elogiado por dizer a mesma coisa mais tarde.

“Eu realmente encorajo outras mulheres a repetirem o que uma mulher disse”, aconselhou Clinton. “Então, por exemplo, se eu estou em uma mesa com Nancy – isso não acontece mais com ela, porque ela é quem fala com o martelo – mas nos velhos tempos se ela dissesse, ‘E sobre ?, ‘Acho que você se intromete e diz:’ Acho que esse é um ponto muito bom que Nancy está defendendo. O que vocês todos acham? ‘”

Ela explicou que isso força a atenção para a mulher que teve a ideia em primeiro lugar.

Leia mais no Yahoo Entertainment:

Fonte