Vanessa Bryant ainda não consegue entender a tragédia que matou seu marido, Kobe Bryant, a filha deles Gianna Bryant e sete outros.

Na terça-feira – que marcou um ano desde a queda do helicóptero – a viúva de 38 anos compartilhou uma carta escrita sobre Gianna, 13, por uma de suas melhores amigas. Ela disse que a carta “pensativa” “lindamente” capturou sua filha “incrível”, acrescentando: “Eu sinto muita falta da minha garotinha e do Kob-Kob também. Nunca vou entender por que / como essa tragédia pode ter acontecido com seres humanos tão bonitos, gentis e incríveis. Ainda não parece real. Kob, fizemos certo. Gigi, você ainda deixa a mamãe orgulhosa. Eu te amo!”

A carta escrita por Aubrey Callaghan lembrava o lindo sorriso da jovem jogadora de basquete e como ela era não apenas “gentil, atenciosa e infinitamente educada”, mas incentivava seus amigos a “serem melhores”. Ela escreveu sobre Gianna ser “ferozmente competitiva” na quadra de basquete, tirando uma página de seu pai estrela do Lakers, mas também como a adolescente se destacou no musical da escola e no conselho estudantil. Ela disse, além disso, Gianna era apenas uma boa amiga, sempre compartilhando um lanche ou deixando uma nota positiva em seu caderno.

Callaghan disse: “Se eu me tornar mãe, espero que minha filha seja exatamente como a sua”.

Embora Callaghan escrevesse, muitas vezes pensa no que Gianna poderia ter sido, ela queria compartilhar com a enlutada Vanessa “um vislumbre da alegria de quem era a filha que você criou e criou. Você fez tudo certo, Sra. Bryant, e todos nós somos eternamente gratos a você. Eu sou tão abençoado por ter um tempo com o seu anjo da filha, e obrigado por me dar essa chance. ”

Em 26 de janeiro de 2020, Kobe e Gianna – junto com 7 outros, incluindo a jovem colega de basquete de Gianna, Alyssa Altobelli, e sua mãe Keri – morreu em um acidente de helicóptero em Calabasas, Califórnia. Kobe, que se aposentou da NBA em 2016, tinha 41 anos.

Vanessa, que está criando os outros três filhos do casal, compartilhou abertamente seu luto, primeiro no memorial de fevereiro para seu marido e filha, e desde então documentando seus altos e baixos com seus 14 milhões de seguidores no Instagram. (Uma baixa separada é uma processo movido contra ela por sua mãe.)

Antes desse aniversário, Vanessa chamou a cobertura do primeiro aniversário da tragédia para ser “de bom gosto”. Vanessa, que começou a namorar o astro do esporte ainda no colegial e se casou com ele em 2001, pediu aos meios de comunicação que não publicassem imagens dos “destroços, helicóptero no ar ou cena do acidente” – o que ela é processando sobre – como ela e seus filhos “NÃO querem ver. Nosso ano já foi traumático o suficiente. ”

Leia mais no Yahoo Entertainment:

Fonte